domingo, 21 de agosto de 2016

Maratona Johnny Depp part 9

Chegamos a postagem 9 que belezinha!
Hoje terá os filmes mais conhecidos do Johnny, aqueles que quase todo mundo já assistiu ou ouviu falar.
Talvez seja por essa questão que enrolei ao posta-los, mas já que aqui estamos, aqui postaremos.
Vamos aos filmes muchachos!
Edward Mãos de Tesoura

Em um castelo no topo de uma montanha reside o solitário jovem Edward (Johnny Depp)
Um ser que veio ao mundo graças ao seu criador (Vincent Price) que o fez com lâminas enormes no lugar das mãos. Ao ver o sofrimento do pobre ser o criador lhe dá de presente mãos 'quase humanas', porém morre antes mesmo de coloca-las no seu devido lugar.
Peg Boggs (Dianne Wiest) é uma vendedora de cosméticos que acidentalmente encontra o castelo e claro, Edward. Acaba o levando para sua casa e para os contatos humanos.
Com seu charme tímido e técnicas avançadas no corte, Edward se destaca com cortes de cabelo revolucionários e podas de árvores artísticas. Porém vitima da sua inocência é amado por uns e perseguidos por outros.
- Esse filme é uma lembrança que tenho das minhas tardes depois da escola.
Recordo-me que tinha um certo medo dele junto a uma curiosidade, a trama me passava uma sensação de desconforto pelo macabro não tão explicito. Ao assisti-lo novamente anos depois esse sentimento se extinguiu, entendi melhor a história e percebei que o Edward é um doce de personagem.
Nota:★★★★★

A Fantástica Fabrica de Chocolate

O excêntrico dono da maior e mais mágica fábrica de doces do mundo Willy Wonka (Johnny Depp) decide abrir um concurso mundial para escolher quem herdará seu império, sorteando 5 barras de chocolate com os bilhetes dourados.
Charlie Bucket (Freddie Highmore) um jovem muito pobre dá a sorte de ganhar.
Com direito a um acompanhante, Charlie leva seu avô que conheceu a fábrica enquanto ainda era aberta ao publico há 15 anos atrás.
O filme segue nas aventuras nesse lugar de guloseimas.
-Assisti esse filme pela primeira vez com a turma da escola e na época não queria acreditar que meu amado Johnny tinha se transformado na lagartixa repulsiva Willy Wonka. Porém ao assisti-lo novamente, com outro olhar sobre, gostei muito desse ser enigmático. O filme não é um dos meus favoritos, mas tem lá seus encantinhos.
Nota: ★★★☆☆

Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet

Depois de 15 anos longe de sua esposa e filha, Benjamin Barker (Johnny Depp) retorna a Londres com sede de vingança.
E por tal questão muda o nome para Sweeney Todd. 
Com a ajuda de uma cozinheira de tortas Sra. Lovett (Helena Bonham Carter), Todd volta a trabalhar como barbeiro em uma sala acima de sua loja. 
O grande objetivo de Todd em sua vingança é matar o juiz Turpin (Alan Rickman) que lhe fez falsas acusações o enviando para Austrália para que assim pudesse roubar sua mulher Lucy (Laura Michelle Kelly) e sua filha.
-Comecei a assistir esse filme na empolgação e logo veio a broxação. É musical e, apesar de rir de como Johnny Depp pronunciava feio e engraçado a palavra 'beautiful', foi dificultoso engolir. Isso me fez não gostar muito do filme, mesmo a história sendo intrigante. Talvez deva assistir novamente...
Nota:★★☆☆☆

A Noiva-Cadáver 

Victor Van Dorst (Johnny Depp) um jovem todo tímido e sensível mora em um vilarejo europeu do século XIX. E está prestes a casar-se com Victoria Everglot (Emily Watson), para livrar a família da mesma do fracasso.
Porém por acidente Victor casa-se com uma noiva morta que por sinal está muito bem viva, já que sua alma não teve aquele momento de eterno descanso, deixando-a presa no mundo dos mortos.
Casado com a Noiva-Cadáver, Victor conhece o mundo dos mortos e percebe que lá é bem mais agitado que o mundo que vivia até então.
O filme segue nessas aventuras de mundo dos mortos, mundos dos vivos.
-Assisti esse filme pela primeira vez quando mais nova, e foi o ápice das animações pra mim, ainda mais depois que soube que era feito com bonecos em stop motion. Posso dizer que esse é um dos musicais que amo e recordo-me que pausava as musicas frase por frase para anota-las e depois canta-las (sei as letras até hoje).
Eu adoro a Emily, ela é um encanto, uma doçura de personagem, e o mundo dos mortos é super divertido.Eu ainda amo esse filme.
'Vai, vai chegar sua vez, a morte virá não importa o freguês. Você pode até se esconder e rezar, mas do funeral não irá escapar. Inhá Inhá Inhá Inhá Inhá (- das caveiras essa parte final haha)
(Como assisti dublado, esse filme o Victor é dublado pelo Marco Antônio,voz linda)
Nota:★★★★★ ()

Rango

Um cameleão de estimação da cidade grande cujo nome Rango (Johnny Depp) por acidente vai parar um pleno Oeste, no deserto de Mojave na Califórnia.
Perdidinho da silva, Rango encontra uma cidade chamada Poeira, e de uma hora pra outra vê sua vida rotineira e sem emoção mudar-se da água pro vinho.
Para sobreviver na nova realidade Rango vivencia amizades, inimizades, e acaba envolvendo-se em situações que não cabiam necessariamente a sua vida até então, fazendo-o assim entrar em conflitos e estranhamente ser visto como um 'herói'.
-Esse filme é demais!
A animação e as texturas são incríveis (sendo que quando o Espirito do Oeste aparece não sei se é gente ou animação), o tema faroeste na seca e na poeira é incrível. A história é super legal, os personagens são super legais. Adoro a Feijão e seu piripaque no olho, adoro as corujas mariachis, e simplesmente amo o Rango e  seu querer ser 'O fodão'.
(Nesse filme Rango é dublado pelo Marcelo Garcia)
Nota:★★★★★ 

Gostei dessa ideia de gifs.
Os usei por conta que não me recordava onde estavam os prints que tirei, creio que alguns citados ai eu nem ao menos os tinha.
E é isso por hoje.
Bye Bye


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.