sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Canção desse agora

Não tenho medo da solidão, mas assusta-me as pessoas.
E o que cabe a mim fazer para me proteger delas?
Se faz em empasses que enganam, em encantos efêmeros.
E elas esperam que arrume meu terreno para que construam suas casas estáveis, semelhantes ao que procura.
Mas aqui não, aqui o terreno é irregular. Adapta quem tem a estrutura firme para não tombar, formando uma bela morada. Mais resistente.
E em meio as minhas relações, pergunto-me: em qual lado parte a imaturidade?
E se joga muitas palavras no ar, teorias, razões. Vãs. São só sílabas, vão ao momento que soltas.
Que de nada completa sua estrutura fraca.
Então vai lá, correr na barra da saia do mais fácil. Sempre vai encontrar.
Alma penosa voltou a procurar.
Até por que aqui, o terreno é irregular.
Mas olha que encantador se faz, abrindo espaço para um lago.
E quanto normal seria, quanto descanso.
Mas não se permite ver, pois em sua mente encontra-se com medo.
De quê?
Pra quê tanta proteção? Quem foi que o colocou nesse pilar?
O quão especial, ou tedioso, dependendo do ponto de vista. acha que é a ponto de encontrar outro você no mundo?
Falta aceitação de terrenos irregulares, ao invés de regulá-los.
E quanto tento me regular ao que se vê, pergunto-me, pra quê?
escrito no caderno dia 13/10/16 por mim.

(Não espero a compreensão total de quem lê esse texto, que coisa né? Talvez eu leia amanhã e pense 
"O que eu quis dizer? O assunto meio que envolve esse "medo" de arriscar ao aceitar o outro, por não ser o que esperava, ou por qualquer outra razão.
Eu sofro bastante com isso, não sei se é por que esperam de mim, ou se é por que eu espero ter uma confiança para mostrar-me com transparência, ai não aceitam. Não sei é se por que não vou muito pro usual, me vejo normal, mas me apontam como doida. entre outros (?).
 Vários fatores influenciam nisso, até a falta de por quês cabe.
Acho que foi isso...
Bom, acho que é isso por hoje.
créditos na imagem

Bye Bye

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.