quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Lenine além de "Paciência"

É muito comum ao mencionar que sou fã de Lenine ouvir: "já ouviu Paciência?", e a única resposta que me vem a mente é "Paciência eu tenho pra não socar os seus ouvidos com essa pergunta"(cruel).
Sim, eu sei que sempre existe uma música mais marcante de todos os artistas, porém (suspeita a dizer) a maioria das  musicas do Lenine são repletas de poesia, harmonia e leves 'tapinhas na cara'.
Isso sem contar que gosto muito do seu estilo, sendo que se ele cantasse 'abacaxi com goiaba, goiaba com caju" com aquele toque da cultura nordestina e aquele sotaque lindo, eu iria ouvir.
Resumindo as acho tocantes, em todos os sentidos.
E esse dias estava a procura de musicas 'novas' dele, das quais ainda não tinha ouvido e encontrei muita coisa boa.
Sendo assim pensei em fazer esse singelo post com frases, trechos e links dessas musicas novas pra mim, que por sinal gostei bastante.
(Se fizesse com todas que gosto, conheço e me identifico o post ficaria muito extenso)
Bora?!


"Onde começa e onde termina o tempo de sonhar?"
"Água! Mágoa do mundo, por um segundo achei que estava lá"
Pedra e Areia (eu amo essa música)

"Mas feitiço é bumerangue
perseguindo a feiticeira"
Na pressão

"Este lugar é uma maravilha
Mas como é que faz pra sair da ilha?"
A Ponte

"Precário, provisório, perecível
Falível, transitório, transitivo
Efêmero, fugaz e passageiro:
Eis aqui um vivo"
Vivo

"Sonhei e fui, mar de cristal,
Sol, água e sal, meu ancestral,
E eu tão singular me vi plural."

"Sonhei pra mim, tanta paixão,
De grão em grão, verso e canção,
E eu tentando nunca ouvir em vão."
Sonhei

"O tempo é longo
Pra quem fica"
O Céu É Muito

"Aqui no caos total do cu do mundo cão
Tal a pobreza, tal a podridão
Que assim nosso destino na direção
São um enigma, uma interrogação"
Ecos do Ão

"Derramei minha saudade
E a cidade se acendeu
Por descuido ou por maldade
Você não apareceu"
Nem sol, Nem lua, Nem eu

"Eu não quero entender
Não preciso entender sua mente
Sou somente uma alma em tentação
Em rota de colisão
Deslocada, estranha e aqui presente"
A Balada Do Cachorro Louco  (esse nome é muito engraçado)

"Um pouco de exagero, não é nada demais
Um olho nas estrelas, outro olho aqui
O astrônomo lunático
Brincando com o sol
Descobre que a distância
Não é mais que um cálculo
É mais, é mais, é mais além"
Mais Além

"Seja como for somos nós e mais ninguém"
"Vem não há o que pensar
Melhor achar normal
Viver a diferença"
"Cada um, todo ser
Tem sua crença"
Crença

"Eu quero tudo que dá e passa."
O que é Bonito

"Posso, e te confesso.
Você não sabe da missa um terço
Tanto choro e pranto
A vida dando na cara
Não ofereço a face nem sorriso amarelo
Dentro do meu peito uma vontade bigorna
Um desejo martelo"
Martelo Bigorna

"Tudo é tão normal, todo tal e qual
Neném não tem hora para ir se deitar
Mãe passando roupa do pai de agora
De um outro caçula que ainda vai chegar
É mais uma boca dentro do barraco
Mais um quilo de farinha do mesmo saco
Para alimentar um novo João Ninguém
E a cidade cresce junto com neném"
Relampiano

"Odeio ficar fazendo rodeio
E pelo tolo receio
De ouvir um não
E dando passos em falso
Andando em círculo
O pé atrás, o impasse
O nó na garganta
Então já não adianta
Agora já não adianta
Mudar a decisão"
Escrúpulo


Eu sei, a vida é tão rara 
a vida não para ....
São só algumas de muitas, quem sabe mais pra frente eu não faça um post com as minhas musicas favoritas dele.
É isso por hoje.
Bye Bye



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.